Verdade Relacional


Jo 14.6 Respondeu Jesus: "Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim”.
Jesus disse “Eu sou... a verdade”. Assim nos propomos a continuar no mesmo raciocínio de ‘Teoria sobre a verdade’ e dialogar um pouco com a pós-modernidade. O tempo hodierno, pós-moderno, dita a relativização de todas as coisas: Da moral, da fé e até da verdade. Como já vimos, relativizar a verdade é extingui-la. Entretanto, as crises que a humanidade vem enfrentando cada vez mais apontam para a existência de uma realidade além do que até então se conhecia. A razoabilidade da modernidade não responde mais as perguntas, não traz preenchimento aos corações e a busca pelo transcendente volta a crescer, existe novamente um espaço para o sobrenatural...
Mas se nada mais é verdade última, se não existe mais base, modelo... Se não se tem mais um ponto de apoio a partir do qual a sociedade possa ser edificada, o que será da humanidade? Errantes sem rumo? Que Jesus é a Verdade é comum se ouvir no meio evangélico e possui base Bíblica, mas as realidades que isso implica são esquecidas, o que nos leva a criar sistemas rígidos e quadrados de fé. Vejamos algumas implicações de Jesus ser a Verdade.
Primeiramente, a verdade é um Ser, não uma coisa. Logo, não podemos possuir um Ser em sua totalidade, ainda mais que estamos falando de Deus! Por mais que conheçamos muito bem uma pessoa, sequentemente vemos essa pessoa fazer coisas que não imaginávamos que faria. Assim não podemos ‘saber’ a verdade, porque a Verdade é Jesus. Podemos nos relacionar com Jesus, nos relacionar com a Verdade. Em última instancia, não podemos ‘saber’ e nem mesmo ‘aprender’ toda a Verdade. Tudo que podemos é nos relacionarmos com ela. A Verdade é Relacional. É um relacionamento com Jesus, onde a cada situação, nos espelhamos em Suas reações em Suas atitudes... E ai sim, podemos começar a ter alguma ideia de como a Pessoa da Verdade irá agir em cada momento, mas não uma certeza absoluta.
Se possível fosse conter a Verdade, criaríamos uma cartilha de regras, a Verdade seria quadrada. Por criarmos um sistema de fé quadrilátero, por aprisionarmos a Verdade em um conjunto de normas, acabamos cometendo injustiças e erros tremendos! Atenção, você pode estar pecando por obedecer ao que julga ser a Verdade! Aplicar os princípios de Jesus, sem ter um relacionamento com Jesus pode ser pecado! Porque a Verdade nunca vem só, como a modernidade nos ensinou. Ela não é um conjunto de leis e nem mesmo de princípios. Ela se relaciona! A Verdade é Viva. A Verdade se relaciona com o momento histórico, com a história de vida de cada indivíduo. É como duas placas que se unem. De um lado o Deus imutável na face de Cristo, do outro a esfera temporal, nós, o tempo... É absoluta porque Jesus não muda, é relacional porque nós mudamos. Não é relativa porque é em Jesus, o Deus imutável. É relacional, porque Ele nos ama, se fez um de nós e nos compreende!
Tantas vezes condenamos, brigamos, julgamos sem orar! Simplesmente porque nosso ‘código de fé’ diz que a atitude alheia é pecado: Vá orar! A oração é o meio mais eficaz de se relacionar com a Verdade e se tornar uma pessoa verdadeira. Verdadeira porque entende que só ‘é’ em Jesus. Que as respostas, a sabedoria, o poder, o amor... Tudo que podemos compreender e entender vem de nosso Soberano e Sublime Mestre.
A Bíblia também diz: Jo 1.1 “No princípio era aquele que é a Palavra. Ele estava com Deus, e era Deus.”
Porque tanta maluquice na fé evangélica? Porque abandonamos a Verdade! Abandonamos um Relacionamento com Jesus quando deixamos de valorizar a Bíblia para dar ouvidos a ‘profetas’ desde século que inventam mil modas que não estão nas escrituras! Porque tanta divisão? Porque abandonando a Bíblia, estamos deixando de nos relacionar com a Verdade e assim, enchemos a Igrejas de mentiras, de erros de coisas que o Senhor abomina.
Faço aqui, com lágrimas nos olhos um apelo para que voltemos para Jesus! Ele está com saudades de Sua Noiva, que o trocou por tantas coisas e não quer mais conversar com Ele. Imagine o que o Senhor sente ao ouvir Sua noiva pedir tantos presentes, tanto dinheiro, e não querendo conversar com ele! Que Deus nos abençoe!

0 comentários:

Postar um comentário

Olá! Deixe aqui seu comentário isso nos ajudar a crescer!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...