Coração Insatisfeito


Em Ag 1:4-6 nos deparamos com um problema. O povo que havia voltado do exílio na Babilônia, em vez de se preocupar com a reedificação do Templo; dedicava-se na construção de suas próprias casas. Hoje, nós somos o templo do Espírito Santo, porém, naquele tempo, a relação entre Deus e o povo estava intensamente ligada ao Templo. Desprezar a reconstrução era como deixar o próprio Deus de lado. Seria melhor que tivessem morado em tendas até que o Templo do Senhor estivesse pronto.
Problema: Ou seja, não estavam colocando Deus em primeiro lugar. Não estavam colocando as coisas de Deus em primeiro lugar. Pensavam primeiramente em si, no conforto próprio.
Consequência: A consequência nisso tudo foi a insatisfação. Eles comiam, mas, não se sentiam fartos. Bebiam, todavia não existia saciedade. Vestiam-se, porém as roupas nunca eram suficientes. E o dinheiro? Bom, eles estavam sempre com aquele sentimento de: onde foi parar o meu dinheiro’? Trabalhavam duro nas lavouras, dedicavam-se com o gado. Entretanto, seus corações continuavam insatisfeitos; afinal de contas somente colocando Deus em 1º lugar é que conseguimos a satisfação.
Relutância: Aquelas pessoas não negavam a importância de reconstruir o Templo. Apenas não lhe davam prioridade. Como hoje, muitos dizem: “quando terminar de pagar minha casa, serei dizimista”. “Só vou trocar de carro, aí oferto”. “Deixa primeiro eu pagar a máquina de lavar, então serei fiel”.
Assim estava esse povo. Por mais que com a boca declarassem que Deus estavam em primeiro lugar em suas vidas, as atitudes revelavam que isso não era verdade.
Conclusão: O povo de Jerusalém encontraria satisfação apenas quando colocasse Deus em 1º lugar. Isso incluiria pegar a primeira parte de todas as suas rendas e ofertar ao Senhor. Independentemente de morar em uma casa ou uma tenda. Na verdade, o chamado de Deus através do profeta Ageu é de que eles fossem muito, muito além dos dízimos e focassem em edificar o Templo de Deus antes de pensar em confortos pessoais.
Desafio: Em o Novo Testamento, os Fariseus eram matematicamente fiéis em suas primícias e dízimos. Seus 10% estavam sempre lá. Porém, faziam isso apenas por rigor formal (Lc 11:42). O desejo de Deus para nós, Sua Igreja, é que ultrapassemos e muito os 10% que os fariseus tão rigidamente entregavam. Basta olharmos um pouco para o Novo Testamento e logo perceberemos que eles iam muito, muito além dos 10%. Hoje não precisamos reconstruir o Templo de Salomão, porém, existe muita obra para ser feita. Além disso, dentro de nós, as coisas ainda funcionam do mesmo jeito. Quem não coloca Deus em 1º lugar, jamais conhecerá a verdadeira satisfação.
Se você ainda não é dizimista, comece agora mesmo. Não faça como os contemporâneos de Ageu que sempre tinham uma boa desculpa para não ofertarem liberalmente. Comece sendo fiel nos 10%, empatando com os fariseus; porém, vá além! Continue dizimando e ofertando liberalmente e você sentirá o que é a verdadeira satisfação!

"Acaso é tempo de vocês morarem em casas de fino acabamento, enquanto a minha casa continua destruída? " Agora, assim diz o Senhor dos Exércitos: "Vejam aonde os seus caminhos os levaram. Vocês têm plantado muito, e colhido pouco. Vocês comem, mas não se fartam. Bebem, mas não se satisfazem. Vestem-se, mas não se aquecem. Aquele que recebe salário, recebe-o para colocá-lo numa bolsa furada". Ageu 1:4-6.

A Rede Maravilhosa

Nesta mensagem o líder da Rede Vermelha Júnior Dutra ministra sobre a importância de preparar-se e agir baseado na Palavra de Deus. Elencando 3 atitudes para manter 'A Rede Maravilhosa'.



Culto do Colono e do Agricultor

Nosso amado RS é fruto da mistura de diversas etnias que colonizaram essas terras. Muitos, se dedicaram à agricultura. Em todos, havia um perene desejo por mudança; essencialmente, por segurança e paz. Hoje, nós, descendentes destes povos, encontramos a paz, a prosperidade e o descanso tão almejamos em Jesus Cristo.



Baixar mp3: MediaFire 4shared minhateca MEGA

 

Andar com Jesus - Manoela Blas

É andando com Jesus que podemos conhecê-Lo melhor e nos tornarmos mais parecidos com Ele. Descubra mais sobre este caminhar ouvindo esta pregação ministrada no TADEL pela líder da Rede Vermelha Manoela Blas.


 

Crescimento Fundamentado

Crescer é extremamente necessário. Porém, que seja um crescimento equilibrado, saudável. Crescer sem deixar de lado o que é fundamental.











Crescimento Fundamentado

1. O início da Carreira

Como crianças recém-nascidas, desejem de coração o leite espiritual puro, para que por meio dele cresçam para a salvação. 1 Pedro 2:2. NVI.

Qualquer coisa que uma criança recém-nascida faça, trará alegria aos pais. Até o cocozinho, tem chance de arrancar um sorriso das mães mais bem-humoradas.
Já de um filho um pouco maior, de nada adianta um lindo sorriso acompanhado da desobediência; pois é a obediência que trará a alegria dos pais.

Se vocês me amam, obedecerão aos meus mandamentos. João 14:15. NVI.

Todavia, como obedecer ao que não conhece?
Fica evidente que uma criança saudável, aos poucos não apenas recebe leite na boca, mas, começa também a receber alimento sólido e um dia, finalmente, começará a segurar o próprio garfo.

No início da fé, Deus e nossos líderes nos dão tudo na boca. E qualquer atitude nossa leva o Senhor a sorrir pra nós.


2. Níveis de Maturidade

Filhinhos, eu lhes escrevo porque os seus pecados foram perdoados, graças ao nome de Jesus. Pais, eu lhes escrevo porque vocês conhecem aquele que é desde o princípio. Jovens, eu lhes escrevo porque venceram o Maligno. Filhinhos, eu lhes escrevi porque vocês conhecem o Pai. Pais, eu lhes escrevi porque vocês conhecem aquele que é desde o princípio. Jovens, eu lhes escrevi, porque vocês são fortes, e em vocês a Palavra de Deus permanece e vocês venceram o Maligno. 1 João 2:12-14. NVI.

2.1) Filhinhos:

2.2) Jovens:

3.3) Pais:


Meus filhos, novamente estou sofrendo dores de parto por sua causa, até que Cristo seja formado em vocês. Gálatas 4:19. NVI.


3. Crescer é necessário

De fato, embora a esta altura já devessem ser mestres, vocês precisam de alguém que lhes ensine novamente os princípios elementares da palavra de Deus. Estão precisando de leite, e não de alimento sólido! Quem se alimenta de leite ainda é criança, e não tem experiência no ensino da justiça. Mas o alimento sólido é para os adultos, os quais, pelo exercício constante, tornaram-se aptos para discernir tanto o bem quanto o mal. Hebreus 5:12-14. NVI.

Você vai sentir dor de um jeito ou de outro. Ou a dor do crescimento ou a dor da doença.

Como diz o material do GT: Se você chegar em uma casa onde há um bebê e depois de 2 anos voltar até lá e encontrar o bebê do mesmo tamanho, é claro que vai pensar: Essa criança está doente!

E você? Se eu comparar sua maturidade em Jesus. Seu amadurecimento. Suas responsabilidades no corpo de Cristo com como você era há 2 anos atrás; o que mudou? A que conclusão poderíamos chegar? Você tem saúde ou doença? E se olharmos para 1 anos atrás? E para 6 meses?

Afinal de contas, você é um cristão saudável?
Embora precisemos avanças, para ser um cristão saudável é imprescindível não abrir mão dos “princípios elementares da doutrina de Cristo”.

4. Doutrina Fundamental

Por isso, pondo de parte os princípios elementares da doutrina de Cristo, deixemo-nos levar para o que é perfeito, não lançando, de novo, a base do arrependimento de obras mortas e da fé em Deus, o ensino de batismos e da imposição de mãos, da ressurreição dos mortos e do juízo eterno. Hebreus 6:1-2. ARA.

4.1) Arrependimento
Sem arrependimento de pecados não existe salvação.

4.2) Fé em Deus
Sem crer no coração e confessar com a boca não há salvação. Rm 10:9; Jo 1:12.

4.3) Batismos
Todos os que creem precisam ser batizados. Mc 16. Isso gera uma identificação com o corpo de Cristo, a Igreja. Hb.

4.4) Imposição de mãos
Receber imposição de mãos está ligado a colocar-se debaixo de uma cobertura, de autoridade. Todo cristão saudável sabe quem são seus pastores. Todo cristão saudável sabe quem procurar quando estiver precisando de ajuda e também quando desejar honrar alguém.
Imposição de mãos também nos lembra do discipulado. Mt 28:19ss. Debaixo das mãos de quem você se coloca?

4.5) Ressurreição e juízo.
Não podemos esquecer que nessa terra somos tão somente peregrinos. Tudo vai passar.
Devemos viver aqui; mas, com a cabeça lá.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...