Fé e discipulado


 “Esteja certo de que o abençoarei e farei seus descendentes tão numerosos como as estrelas do céu e como a areia das praias do mar. Sua descendência conquistará as cidades dos que lhe forem inimigos e, por meio dela, todos povos da terra serão abençoados, porque você me obedeceu". Gênesis 22:17-18

Baixar mp3: mediafire 4shared
Baixar: Estudo para células.
 

Abraão, cujo nome significa “Pai de Multidões” antes, chamado Abrão, “Pai Exaltado”. Era um homem já velho, porém sem filhos. Deus lhe deu então seu filho Isaque. Depois pediu tal filho como prova da fidelidade de Abraão. Este, cheio de fé de que o Deus que lhe dera um filho poderia restituí-lo de dentro os mortos, não hesitou em entregar seu filho. Vendo a fé de Abraão, Deus poupou Isaque e prometeu: Sua descendência será como as estrelas do céu, numerosa como os grãos de areia.
Deus ensina Abraão a sonhar. De dia, olhe o sol forte não lhe permitia a olhar muito longe, no chão, os grãos de areia. Ao anoitecer, com o ar seco da região e sem a presença de luzes artificiais, milhões de estrelas cintilantes no céu, gritavam “Abraão, Abraão”... Ou seja: Pai de Multidões, você é pai de multidões”!
Pela descendência sanguínea, Abraão gerou em um relacionamento proibido com outra mulher as nações hoje árabes, os Islâmicos são descendentes de Ismael seu filho. Pelo relacionamento com sua legítima esposa Sara, Abraão gerou Isaque, pai do povo Hebreu, depois, conhecido como Judeus ou Israelitas.
Porém, a maior descendência de Abraão não vem mediante Ismael ou Isaque, vem mediante Jesus Cristo, pois, pela fé, descendemos em Jesus de Abraão e nos tornamos em Jesus, herdeiros das promessas feitas a Abraão.
Há uma promessa sobre sós! Somos pais e mães de multidões! Esse é o chamado a paternidade! Esse é o chamado ao discipulado! E olha que ser um pai espiritual é um dos aspectos do discipulado.
São vários os ditados populares... Filho de peixe, peixinho é... A fruta não cai longe do pé... Pois bem, se queremos ganhar muitas vidas e cuidar bem delas, precisamos aprender a sermos pais de multidões. Como Abraão se tornou pai de multidões? TENDO UM FILHO! Apesar de que Abraão também gerou Ismael, aquele foi fruto de um erro, de um pecado. Talvez antes de se converter você já tenha ‘iniciado’ alguém no mau caminho. Mas o único filho que Deus havia prometido era Isaque! E de Isaque veio o povo de Israel e de Israel veio o Messias, Jesus!
Ismael foi embora. Isaque cresceu e se fortaleceu juntamente com Abraão. Aprendeu a servir o Senhor e seguiu os passos de seu pai. Infelizmente, até em alguns erros.
Temos declarado que este é o ano da... MULTIPLICAÇÃO. Pois bem, então está na hora de começarmos a olhar para as estrelas do céu e para os grãos de areia da praia do Camaquã e começar a contar às almas que serão abençoadas através de ti! Mas eu ainda não estou sendo discipulado! Então clame ao Senhor que lhe de um discipulador, comece a congregar fielmente em uma célula e peça ao líder que lhe providencie um! Mas eu ainda não tenho nenhum discípulo, pois bem, dedica-te, seja um bom filho, aprenda com seu discipulador, ganhe almas e logo você vai ter um discípulo, dois ou três e através deles muitas outras vidas serão ganhas! Aleluia!
 “Isaque reabriu os poços cavados no tempo de seu pai Abraão, os quais os filisteus fecharam depois que Abraão morreu, e deu-lhes os mesmos nomes que seu pai lhes tinha dado”. Gn 2:.18.
Abraão tinha uma promessa. Todas as noções da terra seriam abençoadas através dele. Isaque sabia disso. Reabriu os poços de seu pai havia aberto e deu-lhes os mesmos nomes.
Discípulos, filhos espirituais dão continuidade ao legado de seus pais. Bons discípulos não querem inventar a roda de novo! Amados temos recebido essa visão maravilhosa de ser Igreja. Agora, vamos escrever bem grande em todos os lugares para orarmos juntos: Sete células em 2013! Primeira multiplicação 20/03!
Só a necessidade de uma nova geração quando não há a próxima geração. Luiz Hermínio.
Você que é discípulo, procure receber essa transferência de vida espiritual de seu discipulador. Procure aprender tudo que pode com ele. Respeite sua privacidade, mas não deixe de grudar, correr atrás, você não sabe por quanto tempo terá essa cobertura! E se Deus colocou esse discipulador que hoje está sobre ti apenas temporariamente? Aprenda tudo que puder, pergunte tudo que puder. Seja transparente, confesse seus pecados, dores e sofrimentos desarmado!
Amados quando estou com o Pr. Mário eu observo tudo que ele faz. Fico prestando atenção em tudo! O que é bom retenho, o que penso não ser o melhor, apresento ao Senhor. E se por acaso algum dia eu ver algo que discordo, vou falar pra ele com muito temor no coração. Procuro primeiramente me abrir ao máximo. Eu não fico esperando ele me perguntar se tenho algum pecado para contar. Eu quero crescer, por isso confesso as falhas!
Eu faço questão de mostrar onde estou mais fraco. É claro que eu conto também coisas boas, porque senão ele vai pensar que o discipulado não está adiantando de nada, mas em momento algum tento passar uma imagem de super-homem.
Olha, pode ter certeza. Apenas ficar ouvindo culto, visitando células, e sendo discipulado como se fosse um cursinho, pode te ajudar. Mas um discipulado real, que inclui ser um filho espiritual, é o segredo que vai impactar sua vida de uma maneira que você nunca viu antes! Esse foi o método que Jesus escolheu!

Os benefícios da santidade e a desgraça do pecado

 Paz amados. Descubra nessa mensagem que VOCÊ NASCEU PARA SER SANTO! Abaixo, os dowloads em mp3, pptx e do estudo para células. abraço.

 Baixar mp3: mediafire 4shared 
Baixar: ppt TADEL

 Objetivos:
1.       Estimular a santidade.
1.1   O que gera no coração de Deus.
1.2   Benefícios pessoais.
2.       O perigo do pecado.
3.       O caminho para a santidade.
"à igreja de Deus que está em Corinto, aos santificados em Cristo Jesus e chamados para serem santos". 1Co 1.2.
Paulo escreve sua carta aos irmãos da Igreja de Corinto. Chama-os de ‘santificados’. Ora, mas todos sabemos que
os Coríntios estavam errando em muitas coisas. Alguns mesmo, cometendo pecados horríveis! Até a Santa Ceia tinha se tornado vergonhosa! Como Paulo pode escrever ‘aos santificados’?
Uma coisa é a justificação recebida no Novo Nascimento outra é processo de aperfeiçoamento do Cristão.
Se você já nasceu de novo. Ou seja, já se arrependeu profundamente de seus pecados e recebeu verdadeiramente Jesus como seu único Senhor e Salvador e o Espírito Santo então fez morada em teu coração... Meu querido, a partir daquele momento você se tornou tão Santo como Jesus! Isso mesmo. Você foi feito justo, Santo, limpo, filho de Deus, perfeito em seu espírito.
Na cruz Jesus já carregou teu pecado, tua injustiça e tudo mais de mal que você ainda vá praticar. Mas no novo nascimento, você se apropriou dessa realidade, fazendo-a valer!
“Ah mas eu ainda peco, não oro como deveria, falto em amor com as pessoas, nem sempre vou na célula, ainda não estou discipulado ninguém”...
Ah é? Diga-me uma coisa. Você já nasceu grande? Não né? Teve que nascer pequeno, comer, se exercitar, aprender, submeter-se aos pais... Deixe-me te dizer uma coisa: Quando você nasce de novo, você nasce um bebe! Agora veja só, um bebê, já tem todo o código genético de um adulto! Em cada célula de um bebê, já existem todas as informações necessárias para que ele seja um adulto. Meu irmão, se você nasceu de novo, você já tem o DNA espiritual de Jesus! A perfeição de Deus está escrita em seu espírito!
Ef 2.8 Diz que somos salvos pela graça mediante a fé. Ora, só os santos vão entrar no céu! Quando você, pela fé em Jesus, recebe a salvação, você se torna santo!
Quantos aqui já receberam Jesus como Senhor e Salvador? Meu amado, então glorifique a Deus, pois você é santo!!! Glorifique, glorifique! Aproprie-se dessa realidade! E quanto aqui desejam hoje recebe-lo, serem perdoados, salvos e se tornarem santos?
Sabe o que falta para a maioria dos cristãos? FÉ! Porque já são legalmente perfeitos, mas não conseguem crer nisso e continuam agindo como os pecadores que eram. Vejam como Paulo fala com amor e fé aos corintos.
Vocês não sabem que os perversos não herdarão o Reino de Deus? Não se deixem enganar: nem imorais, nem idólatras, nem adúlteros, nem homossexuais passivos ou ativos, nem ladrões, nem avarentos, nem alcoólatras, nem caluniadores, nem trapaceiros herdarão o Reino de Deus. Assim foram alguns de vocês. Mas vocês foram lavados, foram santificados, foram justificados no nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito de nosso Deus. 1 Coríntios 6:9-11

Apesar de que, eles continuavam a praticar muitos destes pecados, Paulo crê que eles não são mais assim. Que quando um deles mente, não porque seja um mentiroso. Na verdade é um santo que por falta de fé e perseverança, agiu como o mentiroso que um dia foi. Mas se ele se arrepender, aplicar fé em Jesus de que já é um santo e perseverar em trazer essa perfeição divina que habita em seu espírito sobre sua alma e seu corpo, não irá mais mentir!
Eu já fui um pecador, mas eu fui lavado, santificado e justificado no nome do Senhor Jesus Cristo!
“Sem fé é impossível agradar a Deus”!
Agora, por que ser santo?
Ora, em primeiro lugar porque o pecado machuca o coração do nosso Deus que te ama tanto! Em segundo lugar, porque é bom demais ser santo!
O pecado gera morte, destruição, desgraça ruina. Você não foi projetado para o pecado.
A santidade gera vida, alegria paz! Você foi feio para isso!
Um exemplo disso, até já usado por mim, é um passarinho puxando uma carroça. Ele não foi feito para isso. Ele existe para voar e cantar! Você também não foi criado para carregar o fardo do pecado e suas terríveis consequências: Tristeza, morte, doenças, depressão, raiva, divórcio, adultérios...
Você foi feito para ser cheio do Espírito Santo, de alegria, vida, paz, prosperidade! Para cantar louvores a Deus e voar bem alto nas azas do Espírito!
Voltemos ao primeiro versículo de hoje: chamados para serem santos. 1Co 1.12.
O processo de aperfeiçoamento dos santos funciona assim: Pessoas que já são santas pela fé em Jesus, agora através da fé, perseverança, intimidade e disciplina tornarão estas verdades realidades em suas vidas.
Somos chamados a cada dia, agirmos mais de acordo com nova natureza que temos.
Ex.: Novo Pastor. Logo que me tornei missionário, não sabia a autoridade que carregava sobre mim. Quando chamavam os obreiros em tempo integral para orar pelas pessoas, eu ficava constrangido e às vezes não ia. Até que o Pr. Samuel começou a me cobrar e exigir que eu agisse como o missionário que já era. Eu já tinha autoridade, já era um missionário, mas ainda não tinha me apropriado daquilo. Agora 6 anos depois, muitas vezes eu ainda preciso para e me concentrar para agir conforme o pastor que já sou.

Amando o Espírito Santo

Como é gostoso viver cheio do Espírito Santo! Não apenas bom, é prazeroso, satisfatório viver com Ele. Quem é o Espírito Santo? Como podemos atraí-lo... Ouça essa mensagem e desenvolva uma intimidade profunda e um desejo ardente pelo Espírito Santo de Deus.

Baixar mp3: mediafire 4shared
Baixar estudo para célula: mediafire

O ano da multiplicação

Se 2012 foi um ano de muita coisa ruim morrer, de sermos jogados ao chão, o que podemos esperar de 2013? Sim, se 2012 foi a ano de como uma semente sermos jogados ao chão e morrermos, 2013 é o ano desta semente germinar e produzir muitos frutos! O ano da multiplicação! O que há de se multiplicar? O que é necessário para que isso aconteça? Ouça nesta mensagem.

Baixar mp3: mediafire 4shared
Baixar estudo de célula:



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...