Cobertura Espiritual

Não era uma questão de inteligência da juventude, ou status real. Era uma questão de cobertura espiritual...

Infelizmente não conseguimos gravar a mensagem na íntegra.
 
Baixar mp3: mediafire 4shared

Segue parte da transcrição da mensagem...

Semana passada falamos sobre algo muito bom que são os sacrifícios. Agora falaremos sobre algo ainda melhor: Obedecer. 1Sm 15.22-23 Samuel, porém, respondeu: "Acaso tem o Senhor tanto prazer em holocaustos e em sacrifícios quanto em que se obedeça à sua palavra? A obediência é melhor do que o sacrifício, e a submissão é melhor do que a gordura de carneiros. Pois a rebeldia é como o pecado da feitiçaria, e a arrogância como o mal da idolatria. Assim como você rejeitou a palavra do Senhor, ele o rejeitou como rei". O problema de Saul não foi sacrificar. Foi sacrificar contra a direção dada por seu discipulador. Quem deseja agradar ainda mais a Deus? Seja submisso! Samuel mandou Saul esperar. Saul se achando esperto, ou talvez por ser rei, pensou ser a sua ideia melhor. Mas a questão não era se o conselho de Samuel era bom ou ruim. Não era sobre o status real de Saul ou sua espiritualidade. Era uma questão de cobertura espiritual. A Igreja de Jesus, está carente do reestabelecimento da autoridade espiritual. Mas afinal de contas, o que é cobertura espiritual? É um princípio criado por Deus para proteger e abençoar seu povo! Diz o texto que rebeldia/rebelião é como o pecado de feitiçaria. O que o feiticeiro faz? Invoca, invoca, atrai demônios! O que o rebelde faz? Invoca/atrai demônios! Como assim? A cobertura espiritual é como um guarda chuva que nos protege do ataque das trevas. Quando a pessoa está em rebeldia, ela passa aos demônios a mensagem “pode vir em mim que to fácil”. Exatamente o mesmo que o feiticeiro faz. É claro que não basta ter um guarda chuva, é preciso estar debaixo dele, ou seja, não apenas ter uma cobertura espiritual, mas alinhar-se com sua visão, colocar-se sob ela. Quando Saul desobedeceu Samuel, atraiu a ação de demônios sobre sua vida. Quando uma pessoa pratica feitiçaria, isso afeta ela, a pessoa para quem fez e os amigos e familiares ao seu redor. O rebelde invoca a ação de demônios sobre si, seus familiares, e líderes que na verdade são o alvo. Então se teu marido ou esposa começar a falar mau de uma autoridade espiritual, repreenda imediatamente para que não fique toda a família debaixo da ação demoníaca. Conviver com um rebelde é como conviver com um feiticeiro. Aceitar as palavras de um rebelde é como repetir um feitiço. Saul deu mais valor a seu desejo, sua ideia, do que ao próprio Deus agindo na vida de Samuel.

0 comentários:

Postar um comentário

Olá! Deixe aqui seu comentário isso nos ajudar a crescer!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...