O Fracasso de Jesus

     “Este homem não pode ser chamado de mestre! Ele é um fracasso, todos que o seguem são fracassados!”.
Imagino que seria por ai o discurso de um economista sério a respeito de Jesus Cristo. Não, não me venha com essa conversa fiada dos charlatões da televisão que ficam dizendo que é desejo de Deus que sejamos ricos... Pode parar com essa palhaçada!
Vamos lá. Jesus era rico? Não! Para começar, nasceu em uma família que não era rica. Se fosse, mesmo com as hospedarias cheias, conseguiria um lugar para seu filho nascer. E na hora de pagar os impostos? Tanto Pedro como Jesus estavam tão lisos que precisaram de um milagre para poder pagar seus impostos (cf. Mt 17.27). Alias ao que tudo indica, depois que começou a seguir Jesus, o microempresário Pedro decaiu economicamente. E o que falar do proeminente erudito Saulo de Tarso? Tinha tudo para se tornar muito rico, porém depois que Jesus entrou em sua vida, pouco de suas aspirações econômicas restou...
Os seguidores de Jesus em Jerusalém resolveram criar uma espécie de socialismo. Deus certo? Não! Faliram (Rm 15.26; 1Co 16.1) e foram ajudados pelos irmãos de outras regiões. E ainda tem gente que diz que uma pessoa não prospera porque não dá. Eles deram tudo e ficaram sem nada! A maioria dos apóstolos deu tudo e morreu sem nada!
A moça adivinhadora que dava lucro, depois de liberta não deu mais, lucro assim como as estatuetas de Diana. Paulo, um legítimo seguidor de Jesus, por onde passava deixava prejuízos. Como os recém citados e também os livros (caríssimos) de feitiçaria queimados.
Pergunte pra Zaqueu (Lc 19) se ele prosperou (no sentido que o pessoal de gravata da TV tem ensinado) depois de conhecer Jesus. Além de Jesus comer sua comida, Zaqueu distribuiu seus bens entre os pobres e daqueles de quem tinha roubado, devolveu 4 vezes mais! Ou seja, ele retrocedeu financeiramente!
Pergunte para André o tamanho da dispensa de Jesus. Ele dirá que nela só tem (Jo 6.8) cinco pães e dois peixinhos, aliás, de um menino que deu tudo que tinha, viu a multidão ser alimentada, mas no final para ele deu no mesmo, encheu a barriga como encheria outrora com seus pães e peixes. Ora, Jesus dependia de seu Pai para seu sustento. Não fossem os milagres precisaria pegar empréstimos para manter seu ministério em funcionamento. E o barco e o jumento em que viajava eram emprestados.
Uma geração saiu feliz do Egito com os despojos e as outras que ali estiveram sofrendo e pobres? Elias, seu amado filho que foi assunto ao céu, precisou ser alimentado por uma viúva, corvos e anjos.
E o jovem rico? O rapaz feliz da vida por obedecer aos mandamentos, querendo saber como ter a vida eterna é ordenado por Jesus a vender TUDO e distribuir aos pobres (Mc 10.21).
O único preocupado com ter bastante dinheiro era Judas que se incomodou com o desperdício da mulher que ungiu os pés de Jesus (Jo 12.5-6), desejando vender e embolsar para si o dinheiro, bem como vendeu seu próprio Mestre. Aliás, me engano, existiram ainda outros interessados em dinheiro, como Ananias e Safira que foram mortos pelo Senhor (At 5.1-15). Bem diferente de Barnabé que deu seu precioso terreno ficando sem ele e não pedindo nada em troca (At 4.36ss).
Sem delongas, Jesus nunca ensinou que devêssemos nos esforças para enriquecer. Devemos nos esforçar em obedecer e se estivermos obedecendo e vier a faltar dinheiro mesmo assim, ou Ele fará um milagre ou simplesmente deseja que passemos por este aperto, em alguns casos, até mesmo para salvação da alma (Mt 19.24; Pv 3.12). A maioria dos ricos irá para o inferno e muitos da classe média. Muitos sabem disso, entretanto, raros são os que têm coragem de falar. Inclusive pastores, que se sujeitam ao sistema e deixam de pregar a verdade para sustentar seus ministérios. Não confrontam os ricos porque não querem perder seu apoio. Não compactuo com isso. Meu compromisso é pregar o Evangelho. E o seu compromisso é com quem? Vai acreditar em Jesus ou nos bonitinhos da TV? Tem muitos Judas por ai querendo embolsar uma graninha às custas do Mestre! Decida enquanto pode. Ou seguimos Jesus ou estaremos seguindo o mundo.
Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de aborrecer-se de um e amar ao outro, ou se devotará a um e desprezará ao outro. Não podeis servir a Deus e às riquezas. Mt 6.24.
Ou servimos Jesus ou servimos as riquezas. Passar bem.

0 comentários:

Postar um comentário

Olá! Deixe aqui seu comentário isso nos ajudar a crescer!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...