A Arte de Viver

Que dia belo o Senhor nos deu hoje. Acordo e posso ver que uma luminosidade se levanta atrás de um monte, sei que é o sol, mas não posso vê-lo, pois a neblina o encobre profundamente. O Rio Grande do Sul tem muitas peculiaridades, aqui, é possível que um mesmo dia possua temperaturas agradabilíssimas e um calor de 40 graus. Logo quando acordamos, nossa pressão arterial está baixa, e Deus nos abençoa com uma temperatura fresca e abundante umidade no ar (falo de Caraá) para normalizar nossa pressão. Quando começamos a nos estressar com as coisas do dia a dia, com os problemas e preocupações a temperatura vai subindo, para que nosso coração não entre em colapso. Ao fim da tarde, quando as tensões voltam a diminuir, os termômetros voltam a baixar... Assim, Deus até isso preparou para nos abençoar! E o que dizer do suor que tanto lhe importuna? É o gostoso mecanismo que faz a brisa suave ser perceptível, ou mesmo o ventilador tão agradável. Sem ele, sua pele não refrigeraria e ficaria seca.

Falo tudo isso, pois como diz a canção, “é preciso saber viver”. Chegar aos 18 anos e perceber que ainda não sabe viver é necessário. Chegar aos 30 anos e ainda não saber viver é um perigo. Chegar aos 40 anos e os outros precisarem dizer que você ainda não sabe viver é terrível, mas, quem aos 50 ainda precisa ouvir que não sabe viver, quem com 50 anos ainda não aprendeu a apreciar a vida, em suas pequenas e grandes coisas, corre o risco de precisar de um caixão, pois sua vida de estresse e privação dos pequenos prazeres do quotidiano o levará ao óbito mais cedo do que imagina!

Tire o pé do acelerador! Ao invés de apenas sentir as moscas voando ao seu redor, treine seu ouvido para ouvir os pássaros a cantar! Ao invés de apenas sentir-se incomodo pelo suor, sinta o prazer da brisa!

Aprenda a viver! Aprenda a fazer as coisas mais devagar! Correria pode até ajudar para algumas coisas, mas o prejuízo que trará em outras vai fazer com que seu dia seja menos produtivo! De que vai servir começar seu dia a “milhão” por hora se as 9h a dor de cabeça já vai te pegar e acabar com sua produtividade? Que adianta passar o dia todo correndo para ganhar dinheiro se pela noite vai estar tão cansado e estressado que não terá paz para desfrutar do fruto de seu trabalho com a família?

Imagine que cada dia seu é uma grande viagem. O sucesso nessa viajem vai passar necessariamente por uma revisão básica do carro logo pela manha! O óleo está no lugar? Tem água no radiador? Os pneus estão calibrados? E assim por diante... Acorde, reflita se está ‘tudo no lugar’. E se não estiver? Na saída da cidade (de nossa viajem) vá passando nos lugares necessários. Acorde e se coloque de joelhos, um motor sem olho pode fundir. Levante e medite seriamente na palavra de Deus, sem combustível você não ira adiante. Converse com pessoas mais experientes, que vão lhe ajudar a calibrar seu temperamento e obter melhor desempenho.

Amado, inspire com tranquilidade e com segurança! Inspire confiante de que o dia, por mais nublado que possa estar, é ‘o dia que fez Senhor’ Sl 118.24. Alongue-se para que a energia possa circular com maior facilidade pelo seu corpo. Porém alongue também a alma! Abra as fibras da alma, desmanche estes nós... Não saia de casa fechado como um repolho, mas aberto como uma rosa (procure essa história na net). Permita que o belo dentro de ti esteja acessível ao teu próximo e que do próximo possa receber o estímulo, o amor, a interação que nos faz um corpo com Cristo. Precisamos saber viver! Precisamos fazer dos menores prazeres grandes regozijos! O degustar um cafesinho, preste atenção no seu sabor! A cremosidade de um chimarrão amargo, sorva com calma. O refresco de um suco ou um terere regozije-se nele! Existe ao seu redor uma grande obra de arte, ou melhor, você mesmo faz parte dela, a Criação. Ao seu redor, os traços do grande Artista se misturam aos rabiscos dos pequenos pintores... Isso é lindo! Recrie-se nos sabores, nos sons, nos cheiros... Viva a vida colorida! Você não é uma máquina de fotocópias, você é um poeta! Procure, no fundo do seu ser, a capacidade de ser artista, e ao invés de olhar para todos os desafios de seu dia e enxergá-los como soldados enfileirados para a guerra, vê-los como músicos que precisam buscar sincronia em uma orquestra e a ti cabe reger!

Tudo é arte. A arte de viver. E só aprendemos essa arte, com o grande Artista, Jesus Cristo. Pense nisso, a música já está tocando, treine seus ouvidos e você vai escutá-la. E se o tom estiver melancólico, não se preocupe, pois o sumo Artista preparou uma linda melodia para a eternidade dos que com Ele aprenderem a pintar e apreciar... Que Deus nos abençoe e nos livre do terrível som da morte. Morte de sonhos, de projetos. Morte das alegrias, da beleza, da poesia. Morte da alma... Que nada mais é do que um ensaio, para o eterno ranger de dentes.

0 comentários:

Postar um comentário

Olá! Deixe aqui seu comentário isso nos ajudar a crescer!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...